DEFESA DOS ANIMAIS

DEFESA DOS ANIMAIS
As melhores reportagens sobre defesa dos animais

FELINOS

FELINOS
Conheça as melhores histórias sobre os felinos

ENTREVISTAS

ENTREVISTAS
Conheça o trabalho de pessoas que amam os animais

CÃES

CÃES
Incríveis histórias com os cães

CONGRESSO SE MOBILIZA PARA PROTEÇÃO DOS ANIMAIS (Agência Senado)

11/01/2020

Garantir a proteção dos animais foi um dos assuntos que mobilizou o Senado em 2019. Dois projetos de defesa dos animais foram aprovados e enviados para análise dos deputados. 

O PLC 27/2018 que determina que os animais não poderão mais ser considerados objetos, e o PLC 17/2017 que proíbe a eliminação de cães, gatos e aves saudáveis pelos órgãos de controle de zoonoses.

Em 2020 essa mobilização deve continuar. O Senado vai analisar o Projeto de Lei 1.095/2019 que aumenta a pena para maus-tratos de cães e gatos. O texto foi aprovado pela Câmara na última semana de trabalho do Congresso.

O PL 1.095/2019 do deputado Fred Costa (Patriota-MG) aumenta a pena para quem abusa, fere ou mutila cães e gatos. A pena atual, de detenção de três meses a um ano e multa, aumentará para pena de reclusão de dois a cinco anos e multa. O texto prevê ainda a proibição de guarda do animal. A punição atual, prevista na Lei de Crimes Ambientais (Lei 9.605, de 1998), é aplicada para casos de violência contra animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos. A mudança será apenas para cães e gatos.

O deputado declarou que a crueldade, abandono e maus tratos a animais são considerados pela legislação vigente como crimes de menor potencial ofensivo.
“Os animais não possuem meios de se defender, não são capazes de procurar os seus direitos. A única maneira para que tais crimes sejam evitados é o empenho da sociedade, que não deve aceitar tamanha barbaridade, exigindo que as regras que visam reprimir esses crimes sejam cada vez mais rigorosas”, disse o deputado ao apresentar o projeto.

Animal não é coisa                                      

O PLC 27/2018, do deputado Ricardo Izar (PP-SP), estabelece que os animais passam a ter natureza jurídica sui generis, como sujeitos de direitos despersonificados. Eles serão reconhecidos como seres sencientes, ou seja, dotados de natureza biológica e emocional e passíveis de sofrimento.

O texto também acrescenta dispositivo à Lei dos Crimes Ambientais para determinar que os animais não sejam mais considerados bens móveis para fins do Código Civil (Lei 10.402, de 2002). Com as mudanças na legislação, os animais ganham mais uma defesa jurídica em caso de maus tratos, já que não mais serão considerados coisas, mas seres passíveis de sentir dor ou sofrimento emocional.

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), relator do projeto na Comissão de Meio Ambiente (CMA), destacou que a nova lei contribuirá para elevar a compreensão da legislação brasileira sobre o tratamento de outros seres.

— É um avanço civilizacional. A legislação só estará reconhecendo o que todos já sabem: que os animais que temos em casa sentem dor e emoções. Um animal deixa de ser tratado como uma caneta ou um copo e passa a ser tratado como ser senciente — destacou o senador na sessão plenária em que o projeto foi aprovado, em agosto passado.

Já o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 17/2017 proíbe a eliminação de animais saudáveis pelos órgãos de controle de zoonoses e tem a intenção de incentivar a adoção de cães, gatos e aves saudáveis por meio de convênios do setor público com entidades de proteção animal e outras organizações não-governamentais. A eutanásia só é permitida nos casos de males, doenças graves ou enfermidades infectocontagiosas incuráveis que coloquem em risco a saúde humana e a de outros animais. A proposta também é do deputado Ricardo Izar.

Os dois projetos já haviam sido aprovados pela Câmara, mas como foram modificados pelos senadores, voltam para análise dos deputados, que poderão optar pelo texto do Senado ou pela versão original, da primeira votação na Câmara.
 De Maria Helena, sob supervisão de Paola Lima

Fonte: Agência Senado

CÂMARA APROVA AUMENTO DE PENA PARA QUEM FERIR CÃES E GATOS

26/12/2019

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, nesta terça-feira (17), o projeto de lei que aumenta a pena para maus-tratos de cães e gatos. Aprovada na forma do substitutivo da comissão especial para o Projeto de Lei 1095/19, do deputado Fred Costa (Patriota-MG), a matéria será enviada ao Senado.


A pena atual, de detenção de três meses a um ano e multa, aumentará para pena de reclusão de dois a cinco anos e multa para quem abusa, fere ou mutila cães e gatos. O texto aprovado prevê ainda a proibição de guarda do animal.

A punição atual, prevista na Lei de Crimes Ambientais, é aplicada para casos de violência contra animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos. A mudança aprovada, no entanto, atinge apenas cães e gatos.

O relator, deputado Celso Sabino (PSDB-PA), argumentou que a reclusão é mais indicada para os crimes contra cães e gatos, que são “os animais mais adotados como estimação e estabelecem relação de intimidade” com os donos. Ao contrário da detenção, a reclusão pode ser imediatamente cumprida em regime fechado.

Versão anterior
O texto original previa pena de reclusão de um a quatro anos e multa para maus-tratos a todos os animais. No dia 11, o relator Celso Sabino chegou a divulgar um texto alternativo ainda mais rigoroso, no qual tipificava outras sete condutas criminosas, mas admitiu que houve resistências à proposta, o que o levou a apresentar um texto bem mais enxuto. (Agência Câmara Notícias)

A TRISTE TRAGÉDIA DOS ANIMAIS NA VENEZUELA

03/11/2019


A triste sobrevivencia de animais abandonados na Venezuela (Foto: Reproduçao)

A situação dos animais que ainda restam na Venezuela é desesperadora e de cortar o coração de qualquer observador.

Milhares de pessoas fugiram do país cuja inflação chegou aos 1.000.000%. Emprego ou mesmo achar o que comer é uma tarefa diária quase impossível. Milhares de pessoas circulam pelas ruas em desespero em busca de algo para comer nos lixos. Muitos dos animais abandonados foram caçados para servir de alimento.

Animais do zoológico

Mesmo para pessoas que tinham alguns recursos, cuidar de seus animais se tornou impossível; um quilo de comida de cachorro custa quase o equivalente a três semanas de salário para quem ganha salário mínimo.

O que restou do Zoológico é algo desesperador. Animais como aves, porcos e cabras há muito que foram sacrificadas para servir de alimentos para os carnívoros. Um leão africano, um tigre de bengala e um jaguar além de várias jaguatiricas engrossam a lista dos desnutridos. Animais que passam por incrível sofrimento e abandono simplesmente porque não há recursos ou o governo não distribui.

As pessoas abandonam o país diariamente normalmente em direção da fronteira com o Brasil onde são acolhidos em Roraima apesar do Brasil não ter nenhum acordo com a Venezuela. E claro, milhares deixaram para trás seus animais domésticos abandonados a própria sorte que normalmente é morrer de fome ou ser comido por outro animal ou pessoa.

Vendo estas imagens fica difícil entender que existem aqui no Brasil pessoas querendo algo igual ou pior.
Observando-se toda a tragédia humana que se reflete também nos animais, pois estes são os primeiros a serem descartados, aqui no Brasil pode-se ver como há pessoas más, cruéis, verdadeiros lixos humanos ambulantes. São aquelas que mesmo anos seguidos vendo a situação caótica e miserável da Venezuela, mesmo assim estão do lado de partidos políticos e linha de pensamento como o Comunismo, que levam um país a uma crise e miséria tão grandes.

Para certas pessoas, parece que esse grande exemplo de caos, de miséria de nada serve. Lhes parece que isto nunca poderá chegar ao Brasil. Mas lembremos que a Venezuela já foi um país rico, baseado no petróleo. Um governo de esquerda fez toda a destruição em pouco tempo.

Muito triste (Foto: Reproduçao)
Aqui no Brasil, vemos artistas, religiosos, políticos, meios de comunicação e uma vasta camada da população, principalmente os menos informados, que apóiam e até lutam em favor da esquerda. É uma cretinice que não tem tamanho. Parecem cegos, não conseguem ver o nosso país vizinho, a Europa em crise e várias partes do mundo cujo flagelo do comunismo arrasa impiedosamente trazendo a morte e o desespero.

É muito bom ver nossos animais domésticos bem alimentados, a possibilidade de levá-los ao veterinário quando necessário, mas faz pouco tempo e aliás ainda se vê nuanças de um passado recente, que é o desemprego, observar-se milhares de comércios fechados, pessoas abandonadas em corredores de hospitais, crianças sem aprender nada nas escolas, e a lista seria muito grande... tudo resultado de um governo de esquerda que a cada dia levava o Brasil no mesmo caminho da Venezuela. 

Agora temos esperança de mudar. Já com menos de um ano de novo governo podemos observar o Brasil rumo ao futuro. Entretanto fica aqui o alerta, olhem para as pessoas e os animais da Venezuela. Isto é o que nos espera se não tivermos inteligência suficiente para sabermos o que é melhor para o Brasil. (Leonardo Bezerra) 

BRUMADINHO; SAIBA COMO ESTÁ SENDO O RESGATE DE ANIMAIS

28/01/2019

Embora o protocolo de atuação do Corpo de Bombeiros priorize a retirara e busca de pessoas ou corpos entre os mortos e sobreviventes, a visão de muitos animais vivos e em sofrimento no meio da lama chamou a atenção e por falta de encontrar pessoas alguns desses animais começaram a ser salvos.

Foi o caso de um cachorro abandonado há dois dias numa casa cercada pelo lamaçal, informa a agência Efe. O mesmo foi resgatado neste domingo por um helicóptero. Na ocasião ainda foram salvos alguns pássaros em gaiolas e outros foram soltos no local por falta de espaço. De toda maneira uma ótima iniciativa.

(Foto Divulgação)

O Ministério Público de Minas Gerais, MP-MG, publicou uma recomendação para que a Vale elabore um plano emergencial de localização, resgate e cuidado dos animais atingidos. Isto parece ser muito difícil de acontecer por parte da referida empresa, pois segundo as notícias, até mesmo a questão das vítimas humanas estão sendo difícil e a mesma tenta sair fora da responsabilidade. Ora, se com os humanos a coisa está neste pé imagine-se no tocante aos animais.

(Foto Divulgação)

De toda maneira, pelo que tudo indica, não estamos mais no passado diante de governos corruptos e ineficientes que deixavam as coisas na mesma, tanto é que depois do desastre de Mariana, próximo ao local, praticamente nada de especial se fez. Ao que tudo indica as coisas vão ser muito diferentes e cabeças vão rolar.

(Foto Divulgação)

Em todas as fotos e filmagens do local, chama a atenção as vacas atoladas na lama desde a última sexta-feira quando a barragem rompeu. Assim, pessoas de bom coração e instituições de proteção dos animais vêm se mobilizando para o salvamento desses animais. Já na tarde de domingo um grupo de moradores e ativistas decidiu entrar na lama para efetuar resgate de animais. Tiveram que enfrentar policiais civis e militares que tentaram impedi-los, pois havia o receio do rompimento de outra barragem.

(Foto Divulgação)

Passado o risco de rompimento da Barragem 6 do complexo, as atividades de resgate animal podem agora seguir adiante, inclusive contando com o Instituto Luisa Mell, EcoAção e Anjos do Asfalto.

Deve-se notar também que com o falso alarme dado na manhã de domingo, muitos moradores deixaram suas casas às pressas dirigindo-se a locais altos. Isto implica também que muitos animais domésticos foram deixados para trás. Por sorte, a situação se normalizou e eles puderam voltar, senão mais sofrimento para os animais estaria acontecendo.

(Foto Divulgação)

Com a chegada de especialistas do Exercito Israelense nasce uma nova esperança no resgate dos corpos das vítimas humanas e com isso sobra mais disponibilidade das pessoas e das organizações para o resgate dos animais que ainda estão vivos. (Leonardo Bezerra) 

MPMG recomenda à Vale plano de resgate para animais em Brumadinho

“O Ministério Público Estadual de Minas Gerais (MPMG) recomendou à mineradora Vale que, no prazo máximo de três horas, seja elaborado um plano emergencial de localização, resgate e cuidado dos animais atingidos pelo derramamento da lama dos detritos da Mina do Córrego do Feijão.
De acordo com MPMG, o plano de resgate deve ser assinado por profissional habilitado e submetido ao Comando da Operação de Resgate, que reúne o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil do estado. O plano deve prever a composição de equipe técnica qualificada para realizar ações de busca, resgate e cuidados de animais, além da disponibilização de equipamentos, maquinários, veículos aéreos ou terrestres, e de suprimentos necessários à busca, resgate e cuidados dos animais.
A medida também estabelece que o plano preveja um diagnóstico das áreas atingidas, para identificar a localização e contabilizar os animais isolados, especialmente por meio de sobrevoo da área. A equipe deve ser acompanhada de técnico do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e de outro indicado pelo MPMG.
O plano também deve incluir entrevistas com os moradores da área atingida para identificar seus animais domésticos, apontando espécies e possível localização. A recomendação estabelece ainda que a Vale se responsabilize pela alimentação e os cuidados veterinários aos animais cujo resgate não for tecnicamente recomendável – com as devidas justificativas.
O MPMG requisitou o envio de relatórios diários sobre as medidas adotadas em prol dos animais impactados, durante uma semana. Após esse período, o prazo para envio dos relatórios poderá ser revisto.” (Fonte: EBC)
Vídeo muito forte





TRAGÉDIA DE BRUMADINHO E RESGATE DE ANIMAIS

27/01/2019




Uma tragédia anunciada só esperava o momento certo de acontecer. Fruto da ambição humana pela riqueza mineral e o descuido com a segurança, fruto de impunidade em governos corruptos onde tudo pode ser comprado, finalmente no dia 25 de janeiro veio a calamidade. O rompimento da Barragem de Córrego do Feijão, em Brumadinho. Além das perdas humanas milhares de animais inocentes e indefesos tiveram suas vidas ceifadas pela tragédia.

(Foto Divulgação)

O mais triste de tudo, é vê-los agonizantes a maioria sem nenhum socorro. Mesmo assim, agora alguns movimentos como o Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de Minas Gerais (CRMV-MG) anunciou que está se organizando para atuar no local resgatando os animais. divulgaçao

Muito provavelmente isto ou não será possível, devido aos riscos do estouro de outra barragem praticamente anunciada, ou pela demora onde se encontrará os animais já mortos, pois depois de todos estes dias presos na lama dificilmente resistem.

 
(Foto Divulgação)

O Conselho, com experiência em desastres como os de Mariana e o das inundações em Rio Casca, está ainda convocando veterinários interessados em ajudar no tratamento dos animais. O anúncio foi feito através de uma publicação na página do Facebook. Interessados em participar podem entrar em contado com a médica veterinária Ana Liz, presidente da comissão.

(Foto Divulgação)

Além das iniciativas isoladas de pessoas do local, tem destaque também a preocupação do Deputado Noraldino Junior, da    câmara de Minas Gerais, com liminar na Justiça para que a Vale (empresa proprietária das represas) realize o salvamento dos animais. Nestas alturas, a referida empresa, sob forte pressão do Governo Federal e da população em geral, possivelmente no que menos vai pensar é com relação aos animais.

(Foto Divulgação)

Como esperança, pelo menos para amenizar, o Presidente Jair Bolsonaro, esteve sobrevoando o local, sem descer pois o helicóptero muito grande, poderia atrapalhar os outros que estavam em missão de salvamento. Foi anunciado também por Bolsonaro, que equipes de Israel com equipamentos especiais para esse tipo de resgate poderão estar ajudando em breve. (Leonardo Bezerra) 



Alguns cuidados para quem mora em lugares de enchentes e deslizamentos

Pensando nesses nossos irmãos é que enumeramos aqui alguns conselhos ou ideias para ao menos ajudar-lhes a sobreviver às enchentes. Quem não tem nenhum animal, pode ao menos aconselhar ao vizinho, aos parentes ou qualquer pessoa que os tenha.

Gatos

Por incrível que possa parecer, os gatos, por sua facilidade de subiram em telhados ou qualquer lugar de difícil acesso, são os que tem mais chance. Claro que isso só é possível quando criados soltos, ou ao menos quando alguém fugir de casa por causa da enchente, pelo menos deixe o gato sair antes de fechar a porta, ele sabe o que fazer.

Cães

São os que correm maior risco. Os que são criados soltos na maioria das vezes sabem se virar, pois são bons nadadores. O grave perigo está para os que são criados amarrados a uma corrente que na maioria dos casos não tem nem dois metros de comprimento. Para esses os donos devem solta-los imediatamente assim que perceber que as águas estão subindo ou mesmo antes. Pois na maioria das vezes a subida das águas é muito rápida. Uma boa ideia para quem tem cães no quintal em locais de enchente é deixá-los sempre soltos e manter uma escada encostada ao telhado ou algum ponto alto da casa. Na hora do aperto o cão subirá por ela e ficará no telhado.

Aves

Na maioria são pequenos pássaros criados em gaiolas. Para esses a única solução é nunca esquecê-los em locais baixo sujeitos ao alagamento. Assim como costumam subir os móveis para locais não atingíveis pela água, o mesmo deve ser feito com os pássaros e outros pequenos animais criados presos como peixes, roedores, etc.

Abandono de casa

Quem for obrigado a abandonar a casa por esta se encontrar condenada em área de risco, deve pensar em seus animais. Os cães facilmente podem acompanhar o dono para casa de parentes ou outra casa. Os animais mantidos em gaiolas também podem ser transportados para qualquer lugar. Os que apresentam maiores problemas com uma mudança rápida são os gatos, pois são muito apegados ao local onde foram criados. 

Quando se tratar de mudança para uma outra casa, deve-se leva-los com cuidado e bem presos, pois se assustam com facilidade, de preferência numa maleta ou caixa apropriada para transporte de animais. Na nova casa é importante que ele encontre as mesmas coisas que tinha na anterior, o mesmo cheiro, móveis, sua casinha ou almofada. É importante também que não seja solto de uma vez, mas que vá se adaptando aos poucos. Quando a mudança é para casa de parentes a situação é ainda mais complicada e dependendo do temperamento do gato, nunca se adapta e sempre tenta fugir. Neste aspecto, gata tem mais facilidade de adaptação que os gatos. (Leonardo Bezerra)



O BEM ESTAR DOS ANIMAIS TAMBÉM DEPENDE DO SEU VOTO

06/10/2018


Num país arruinado pela crise política e pela corrupção, não só os humanos sofrem como também e ainda mais os animais. Nestes últimos anos, muitas ONGs de proteção animal não tem sobrevivido. Animais domésticos muitas vezes passam fome por falta de ração. Quando se trata de gastos com veterinário a coisa se torna ainda pior. Tudo isso é fruto da política de um país cuja administração afundou na mais extrema miséria em todos os âmbitos. Votar corretamente agora é não só salvar vidas humanas como ainda pensar em dias melhores para os animais.

Partidos de esquerda nada de bom podem oferecer aos animais

Ora, se um partido é a favor de aborto, contra a família e prega ideologias que vão contra a natureza, o que esperar com relação aos animais se nem aos humanos respeitam? 

Partidos contra a natureza

A famigerada Ideologia de Gênero é o maior abuso e desvio que o ser humano já cometeu em toda sua história. As depravações de toda espécie são fichinha diante desta ideia horrenda. Pois aqui já não trata de apenas deixar pessoas de maior idade fazerem o que bem entendem, mas sim ensinar desvio sexual a crianças indefesas. Uma covardia sem limites. 

A natureza é perfeita. Nenhum animal fica esperando para decidir se quer ser macho ou fêmea. Já nascem prontos, a biologia prova isto. O ser humano, sendo também um animal, já nasce pronto conforme seu corpo físico. Querer mudar a natureza é no mínimo um absurdo de uma cretinice sem igual nunca visto na história da humanidade. Mas é justamente isto que partidos da esquerda estão fazendo ou tentando fazer. 


Por trás da ideologia de gênero há um comercio milionário cujos interesses ultrapassam qualquer ética. Criar mais e mais pessoas com tendência a mudança de sexo gera milhões. Operações extremamente caras, medicamentos e produtos especiais para todas essas pessoas é o foco.

Isto tudo sem ao menos mencionarmos o sentido ético e moral, palavras que assustam a sociedade moderna, pois confundem com falta de liberdade.

O grande vilão começou disfarçado de mocinho 

O partido do PT que no primeiro governo conseguiu grandes vitórias com referência a situação financeira do país e das pessoas, manteve embutido sua verdadeira cara; a corrupção, o roubo e seus ideais socialistas. Com o tempo tudo ficou claro e começou a queda vertiginosa levando o Brasil consigo para a situação atual. O pior de toda esse erro é um só: "deixou milhões de pessoas atrelados ao seu ideal com o voto comprado praticamente permanente através do Bolsa Família; uma esmola eleitoreira que tende a prender a pessoa por puro interesse".

Claro que pessoas em extrema situação de fome e miséria merece toda a atenção do governo, mas não esmola eleitoreira. O que podeira ter sido feito num governo honesto, seria criar trabalho digno para todas as pessoas. Isto é perfeitamente possível. No passado até os governos mais simples criavam frentes de trabalho em ocasiões de secas e de falta de condições para a população.

Como alguém pode defender invasores de terras alheias

Disfarçados de pobres necessitados, bandos de vagabundos invadem propriedades com a desculpa de promover trabalho na lavoura, etc. Pura mentira, ninguém jamais viu os frutos dessas pessoas. Servem para agredir e atrapalhar a vida de proprietários honestos. Neste aspecto, os animais também são prejudicados. Muitos são mortos para alimentar essa turma. Um governo sério não criaria invazão de propriedade e sim trabalho para quem precisa.

Os brasileiros despertam e os animais também ganham

Multidões saem às ruas e aclamam Jair Messias Bolsonaro. Nova esperança para o Brasil enquanto o PT afunda de vez. Mas ainda há aqueles incrédulos que ainda acreditam em sonhos comunistas e socialistas. Cabe a cada cidadão de bem esclarecer essas pessoas mesmo de última hora. 

Um Brasil novo e diferente aguarda os brasileiros de bem. 



    


A IDEOLOGIA DE GÊNEROS E OS ANIMAIS

23/06/2018

Cachorro quer ser sempre cachorro e nada mais...
Nascido de movimentos feministas décadas atrás, Ideologia de Gênero se alastra como uma praga destrutiva por toda a Europa e tende a chegar com força ao Brasil. Assim como o comunismo, e Nazismo, em seus inícios pareceram boas idéias para seus povos, mas com o tempo vieram a ser verdadeiros fracassos promotores de monstruosidades e morte,  assim também é essa ideologia, a qual ninguém ousa contestar no momento, até com risco de ser taxado de preconceituoso.

Para todas essas ideologias e movimentos, verdadeiras pragas que se alastram entre a humanidade, os animais tem uma resposta clara e simples. A imutabilidade da natureza. Os animais não ficam brincando de novas experiências; são o que são em todos seus aspectos. Uma lição para os animais humanos. Devemos ser o que somos.

Não confundir opinião própria com preconceito

Antes  de continuar  este artigo, deixo claro que não tenho nenhum preconceito contra nenhum ser humano seja ele como fôr. Preconceito é um conceito prévio sem conhecimento da causa em questão, o que é injusto. Porem ninguém deve esquecer que quando se conhece a causa, tem direto de concordar ou discordar, doa a quem doer, esse resultado de uma avaliação cuidadosa é o conceito. Tenho o direito de ter conceitos sobre todas as coisas, pensamentos, ações e tudo que desejar, assim como tenho direito de expressar meus conceitos em liberdade.

Origens da Ideologia de Gênero

O feminismo trouxe inicialmente uma ideia justa, a não discriminação da mulher ajustando-a à sociedade, com os mesmos diretos dos homens, como votar, trabalhar, etc. O problema é que isto foi mais além do conceito inicial. Os movimentos começaram a pregar uma igualdade absoluta, esquecendo dos fatores naturais inerentes a cada gênero, ou seja, mulher já não teria preocupação com maternidade, a ideia era, “porque ter filhos, se eles não tem”. Isto levaria ao aborto, a vida livre à imitação dos homens, o uso indiscriminado de contraceptivos e meios para proporcionar relacionamentos livres  e portanto, considerando a família como uma instituição opressora e escravagista. Assim, dentro desse movimento, surge a semente da ideologia de gênero.

Uma ideia totalmente fora da lógica

A ideologia de gênero prega que o que somos como homem ou mulher foi aprendido nas diferentes culturas de onde viemos. Ou seja, foi nos ensinado desde a infância a ser homem, ou a ser mulher e assim crescemos uns sendo homens e outros mulheres. Não leva em conta a natureza, a formação biológica  de nossos corpos cada um apropriado para uma função específica, uns para homens outros para mulheres. Como se a natureza fosse errônea, criando corpos uns para habilidades masculinas outros para femininas. É incrível que pessoas possam crer numa ideia tão absurda. Mas é o que está acontecendo no mundo todo imposto inclusive pelos governantes.

Autoridades apoiam a nova praga mundial

Aqui no Brasil, essa ideia furada criou força com o governo Lula e ainda mais destaque no governo Dilma e continua em sua trajetória nefasta no governo atual. Quem trabalha na educação infantil principalmente do ensino fundamental, sente-se oprimido por ter que acatar em silêncio diretrizes favoráveis emanadas do governo.

Autoridades religiosas, embora favoráveis a manutenção da família como núcleo gerador da humanidade, pouco ou nada conseguem, isto porque a base moral religiosa anda em plena decadência, já que na atualidade grande parte da população já não guia suas vidas com base na religião.

A natureza é perfeita, não precisa de nenhum auxílio do homem

A natureza, que no caso da formação humana é a biologia, é perfeita, independe do pensamento transitório dos homens. Sempre vai reproduzir seres perfeitos, o que vier de errado, isto sim, é imposto por correntes de pensamentos aprendidas no seu tempo e no seu meio. Por exemplo; quem aderiu as idéias macabras do Nazismo, nasceu perfeito biologicamente, mas aprendeu em seu tempo e em seu meio aquela cultura do erro.

O mesmo ocorre em nosso tempo e em nosso meio, que agora é praticamente o mundo inteiro, devido aos meios de comunicação. Continuamos nascendo perfeitos, homens e mulheres, entretanto estamos sujeitos às desgraças ideológicas que nós mesmos criamos e que tanta destruição provoca.

Hoje não podemos contestar muito a ideologia de gênero, pois isso vem de autoridades superiores, vem da ONU, vem de nossos governantes cegos que seguem a tendência mundial. Nas escolas temos que aceitar em silêncio essa grande praga destruidora da infância.


Podemos ver a perfeição da natureza através do resto da criação não sujeita ao homem. Os animais mais próximos de nós nos dão a lição com sua perfeição perene através dos tempos. Não existe animal querendo ser o que não é. E justamente isto tem mantido sua preservação e continuidade.

É uma vergonha que animais tenham que dar uma lição de paz, perfeição e conformidade com suas vidas e seus meios. Os humanos, que se acham o máximo da criação, as vezes não podem nem ser comparados, pois chegam a uma degradação e miséria tão grandes que ficam abaixo dessas criaturas simples. (Leonardo Bezerra)



SAIBA O QUE FAZER PARA PROTEGER SEUS ANIMAIS DOMÉSTICOS CONTRA O FRIO

16/06/2018

Com a chegada do inverno nesse mês de junho, encontramos desde o início do mês temperaturas bastante baixas nas regiões sul e sudeste. As pessoas normalmente estão preparadas para enfrentar essas temperaturas com o uso de roupas adequadas, aquecimento, etc. Os animais silvestres também possuem seus próprios meios e mecanismos de defesa apropriados. O Grande problema no que se refere ao frio são os animais domésticos. Estão adaptados ao homem e dele dependem para quase tudo, inclusive para se defender do frio. Sendo assim, certamente são os que mais sofrem nesse período, isto porque os humanos simplesmente esquecem que animais também sentem frio.

Os que mais sofrem

Quando o assunto é frio, logo nos vem à lembrança dos cães de rua e ficamos com a idéia de que sofrem muito com o frio. Mas, na verdade eles não são os campeões do sofrimento. Adaptados às ruas e, portanto conhecedores do meio onde vivem, nas noites geladas sempre encontram o local mais abrigado às vezes nos lugares mais incríveis. Também costumam se proteger dormindo juntos passando o calor de um para o outro. 

Por incrível que pareça o maior sofrimento fica por conta dos animais domésticos, sobretudo os cães. Quanto aos de porte pequeno e de raça, quase não há problema pelo fato de quase sempre ficarem à noite dentro de casa. O sofrimento mesmo fica por conta dos cães de porte grande que quando pequenos são o mimo da família, mas com o tempo, acabam abandonados no quintal amarrados a uma corrente. Quando chega o frio ninguém se dá conta de que o frio também chegou ao quintal e com muito mais intensidade, pois a maioria é forrado de materiais frios como lajotas ou azulejos. Quando há uma casinha para cães, normalmente tem a porta muito larga de forma que as correntes de ar entram com facilidade não oferecendo um abrigo satisfatório. Há muitos que nem sequer dispõe de uma casinha. Dormem em um canto qualquer em cima de um pano.




Os cães que mais sentem frio

O frio não é igual para todos os cães. Depende do pêlo e do tamanho do animal. Segundo os especialistas, o que mais sofre com o frio é o salsichinha, teckel ou dachshund. Ainda nessa categoria dos friorentos estão o pincher, o fox terrier, o beagle, o fox paulistinha, o chiuaua e o pit Bull.


Os cães de maior porte


Em segundo lugar no que se refere ao frio estão os de pêlo curto, mas de porte maior como o fila, o dálmata, o whippet, o boxer e o weimaraner.De toda maneira o melhor para atender aos cães na época de frio é classificá-los em três grupos: os de pêlo curto, que sentem mais frio, os de pêlo longo e de crescimento constante como poodle e outros e os de sub-pêlo que criam uma nova pelagem extra por baixo da normal antes do inverno. Também é importante pensar no porte do animal, quanto menor e pêlo mais curto, mais frio sente.




Os cães dão o recado

Quando sentem frio os cães não ficam indiferentes. A noite é comum ouvi-los uivando o chorando com latidos lamentosos para ver se despertam a caridade do dono que muitas vezes nem liga. Os que ficam dentro de casa também apresentam sintomas típicos do frio; tremedeira, desânimo, faz mais xixi e só quer ficar deitado num local aconchegante.


Roupas para cães?


Nenhum defensor dos animais defende as roupas para animais, pois lhes tira a naturalidade e liberdade além de que apresentam uma série de riscos à saúde como alergias, ácaros e bactérias, rejeição psicológica, etc. O animal em seu estado natural tem como proteção seu próprio pelo que é sua roupa natural. Com o uso de roupinhas, normalmente atendendo mais o sentido estético do dono que a real necessidade do animal ele fica mais sujeito às doenças que sem a roupa.


O que se pode fazer para ajudar os cães


Os que dormem dentro de casa devem ficar num cômodo onde não haja correntes de ar e num local acima do chão que normalmente é gelado. Por exemplo, um forro de papelão e cobertor. Para os que dormem fora, uma casinha com a porta menor e colocada numa posição em que a porta não receba correntes de ar direto, por exemplo, com a porta virada para uma parede. É necessário que a casinha esteja bem forrada com cobertor ou manta, pois o piso de madeira ou de plástico é gelado.


Os gatos

Por natureza os gatos são os mais sortudos. Dificilmente dormem fora. Como tem um sentido de liberdade muito grande, dentro de casa escolhem sempre o melhor local. Além disso, sua pelagem se torna apropriada para o inverno. Mesmo assim, alguns sofrem com o frio principalmente as raças de pelagem curta. Nesse caso devem-se tomar cuidados especiais como cobri-los com um cobertor durante a noite.


Os animais domésticos são dependentes dos humanos e por isso mesmo são os que mais sofrem. Quantos cães dormem num quintal solitário, abandonados numa casinha gelada enquanto seus donos muito bem aquecidos dentro de casa nem sequer se lembram deles. Esquecem que o corpo de um animal não é diferente do humano. Está sujeito a dor, ao calor e ao frio. Em tudo somos iguais, menos no amor incondicional. Enquanto que o cão mesmo sendo chutado, abandonado e maltratado sempre ama seu dono e o demonstra na primeira oportunidade, o homem, assim que encontra algo mais interessante que seu cão, logo o esquece e o abandona em um canto qualquer como se fosse um objeto. (Leonardo Bezerra) 

_____________________________________________________________________

CURSO DE LAÇOS E TIARAS

Aprenda passo a passo a fabricação de laços e tiaras. Extremamente lucrativo. O curso ensina fazer as tiaras e ainda montar seu negócio 
R$ 97,00



Você que ama o Brasil e espera grandes mudanças. Conheça nosso novo trabalho, você vai amar!

Faça parte do Jornal Defesa dos Animais

Ajude-nos a melhorar ainda mais preenchendo este formulário

Os animais são inocentes

Frases do dia

Conheça nossa página de vídeos

Resumo da Declaração Universal dos Direitos dos Animais

A Declaração Universal dos Direitos dos Animais da ONU

01 - Todos os animais têm o mesmo direito à vida.

02 - Todos os animais têm direito ao respeito e à proteção do homem.

03 - Nenhum animal deve ser maltratado.

04 - Todos os animais selvagens têm o direito de viver livres no seu habitat.

05 - O animal que o homem escolher para companheiro não deve ser nunca ser abandonado.

06 - Nenhum animal deve ser usado em experiências que lhe causem dor.

07 - Todo ato que põe em risco a vida de um animal é um crime contra a vida.

08 - A poluição e a destruição do meio ambiente são considerados crimes contra o animais.

09 - Os diretos dos animais devem ser defendidos por lei.

10 - O homem deve ser educado desde a infância para observar, respeitar e compreender

Os gatos mais caros do mundo

Os animais tem sentimentos...