DEFESA DOS ANIMAIS

DEFESA DOS ANIMAIS
As melhores reportagens sobre defesa dos animais

FELINOS

FELINOS
Conheça as melhores histórias sobre os felinos

ENTREVISTAS

ENTREVISTAS
Conheça o trabalho de pessoas que amam os animais

CÃES

CÃES
Incríveis histórias com os cães

EU RESPEITO OS ANIMAIS, E VOCÊ? UMA COMUNIDADE QUE FAZ O MAIOR SUCESSO NO ORKUT

06/03/2009


O Orkut visto por uns como um meio prejudicial, que promove muitos encontros errados, é para aqueles que são da paz e pensam no bem, uma ferramenta poderosa de divulgação e de promoção do bem. No fundo, quem é errado não é o Orkut ou qualquer outro meio, são as pessoas que muitas vezes não sabem usar esses meios para o bem. Um bom meio de divulgação de um tema são as comunidades e há milhares delas. Claro que um tema que não poderia faltar é o da defesa dos animais, onde as pessoas expressam seu amor aos animais e sua revolta diante da crueldade humana contra esses seres tão frágeis e inocentes.

Claro que iniciar uma comunidade é algo muito fácil. O difícil é mantê-la ativa com a participação dos filiados e inclusive conseguir sempre novos filiados. E foi justamente esse o desafio de Patrícia De Biase, do Rio de Janeiro quando iniciou sua comunidade “Eu respeito os animais, e você?”, em 20 de fevereiro de 2008. Pelo visto a Patrícia se saiu muito bem. Passado pouco mais de um ano, a comunidade é uma das mais ativas e conta já com 3.561 membros.

O segredo de tanto sucesso no caso da Patrícia é um só; seu grande amor aos animais. E isso ela passa muito bem através do que escreve e de sua luta constante na defesa dos animais, o que acaba contagiando seus leitores e seguidores trazendo-os a uma reflexão e participação muito grande dando movimento e dinamismo à comunidade.

Logo na página inicial eis o que Patrícia diz: Comunidade criada para quem respeita os animais e também tem a certeza que eles tem alma e coração!!! Que acredita que eles mereçam mais valor!!! "A não-violência nos conduz aos mais altos conceitos de ética, que é o objetivo de toda a evolução. Até pararmos de prejudicar todos os outros seres do planeta, nós continuaremos selvagens." Olhei para os animais abandonados no abrigo... os renegados da sociedade humana. Vi em seus olhos amor e esperança, medo e horror, tristeza e a certeza de terem sido traídos. Eu me revoltei e rezei: - "Deus, isso é horrível! Por que o Senhor não faz nada a respeito?" E Deus respondeu: -"Eu fiz. Eu criei você."

Diante dessas belas palavras que só podem vir de quem tem um grande coração já se pode ter uma idéia de Patrícia. Buscando esses heróis e heroínas anônimos, sofredores, que carregam todos os sofrimentos dos animais, que enfrentam a indiferença da sociedade e muitas vezes até perseguições, é que criamos esse jornal. Assim, é com grande alegria que hoje apresentamos a todos mais uma dessas pessoas especiais criadas por Deus para alívio de suas criaturas mais sofridas, perseguidas e abandonadas, os animais. Com vocês, o carisma, a perseverança e a bondade de Patrícia De Biase.

1- Desde quando você se interessa por animais?

Desde pequena. Minha família sempre teve ,como principal característica, um grande amor pelo animais, passado de gerações a gerações. Minha tia-avó foi Presidente da Sociedade Protetora dos Animais em Minas Gerais e cresci ouvindo minha mãe se revoltar com o abuso sofrido por eles em rodeios, circos, touradas e qualquer forma em que eles fossem tratados como objetos de diversão e consumo. Sempre tive animais de estimação, jamais passei algum tempo sem a companhia deles.2- Que animais você tem no momento?
No momento tenho 3 cães adotados que são a minha alegria e me dão forças para continuar lutando por todos.

3- O que levou você a criar a comunidade?

Ao começar a participar do Orkut entrei para diversas comunidades, não somente de animais, como outras onde sempre haviam debates acalorados sobre a
importância da conscientização do papel dos animais na nossa vida e, principalmente acerca do sofrimento deles enquanto considerados como consumo e mercadorias. Eu não era ainda vegetariana, mas foi através destes debates, lendo com atenção, vendo os vídeos, pesquisando artigos e, finalmente assistindo o documentário Terráqueos, que resolvi que era este meu caminho e que iria lutar por eles. Comecei participando como moderadora em algumas, mas chegou às minhas mãos a chance de fazer o trabalho que sempre sonhei e isto só foi possível tendo a minha própria comunidade.

4- Como você faz para manter a comunidade tão ativa?
Procuro, ao contrário do que percebo em outras comunidades, estar o maior tempo possível presente e me manter informada sobre tudo o que se relaciona com animais, fazendo da comunidade um local de informações, divulgações, leituras de artigos importantes e de ajuda a todos os protetores que precisam.

5- Quais as principais dificuldades que você encontra?

Conseguir fazer com que os moderadores fossem tão presentes como eu e que não deixassem ninguém sem resposta ou ajuda.
Isto não é uma queixa, até porque sei que eles têm suas vidas, seu trabalho, resgates, problemas familiares, mas como sou muito exigente comigo mesma , tento passar para eles a nossa responsabilidade ao conduzir a comunidade, mantendo-a sempre em dia com fatos novos, informações sobre tudo. Repassar todos os pedidos que chegam através de mensagens e e-mails (quase 2000 por dia) também é uma tarefa complicada, pois muitos são repetidos e tenho que fazer uma escala de prioridades. Mas creio que tudo esteja dando certo e agradeço imensamente aos moderadores, que escolhi com muito carinho, por todo o suporte que me tem proporcionado.

6- Qual foi o assunto que teve maior repercusão na comunidade?
Foi o caso de um cão que iria ser sacrificado por ter , depois de algum tempo , atacado seu "dono". Quando eu soube disto corri para falar com a mulher dele, que era membro da comunidade, telefonei , repassei o caso, pedi ajuda, pois tinha certeza de que estavam sendo precipitados e que ele merecia uma nova chance.
Graças a Deus hoje ele está num canil, se tornou uma cão dócil novamente, surpreendeu a todos e está à espera de adoção. E tenho o maior orgulho em ser uma das madrinhas dele.(alguns membros da comunidade se uniram em torno deste caso e estamos muito felizes!)

7- Como você faz para divulga-la?
Repasso o convite por
scrap para pessoas que percebo que amam os animais como eu. E divulgo em outras comunidades.

8- O que seus amigos e parentes acham sobre essa sua dedicação tão grande aos animais?

Com
exceção de minha mãe (que infelizmente agora está muito doente) eu filho e meus amigos de mesmo ideal e luta, as outras pessoas não compreendem e sempre acham que nós, defensores de animais, somos malucos, carentes, precisamos de psiquiatra...rsrs. O que eles não entendem é que este amor pelos animais é que nos torna mais humanos, mais solidários, mais compreensivos e mais fortes !Aprendemos muito com nossos irmãozinhos .

9- Qual é seu grande sonho com relação aos animais?

Meu grande sonho é poder ter um local com infraestrutura para abrigar todos os animais que fossem abandonados ou vítimas de maus tratos. E lutar para que as experiências em laboratórios cessem!

10- O que pensa sobre essas
atividades que maltratam os animais, circos, rodeios, etc.?
Um absurdo!Tenho vários tópicos sobre estes assuntos em minha comunidade, com fotos, artigos, para conscientizar a todos que os animais não foram feitos para nossa diversão. Eles precisam ser libertados deste tipo de exploração .Assim como informo também sobre as crueldades que existem pelo mundo , consideradas esporte.

11- Qual a organização de defesa dos animais que você mais admira
?
Instituto Nina Rosa.

12- Como é a situação dos animais de rua no Rio de Janeiro?

Muito triste. Existem muitos animais abandonados e tratados com crueldade. Animais de
tração também são muito judiados.Não há uma política de ajuda aos animais e está se formando um movimento de protetoras que pretendem exigir da prefeitura medidas mais drásticas.

13- Qual é sua mensagem para nossos leitores?

Amem os animais!!!!Procurem aprender com eles o que é solidariedade, fidelidade, amizade, amor incondicional. E, principalmente, precisamos RESPEITÁ-LOS! Eles não foram feitos para nosso uso, como objetos descartáveis, sem sentimento. Eles tem emoções e sofrem assim como nós e precisamos conscientizar mais e mais pessoas sobre isto, divulgando fatos, mostrando a verdade, principalmente educando as crianças desde cedo, para que tenhamos um futuro não tão utópico, como dizem. Esta frase para mim resume o que penso sobre eles:

No semblante de um animal, que não fala, há um discurso que somente um espírito sábio realmente entende!!! Mahatma Gandhi

Conheça a Comunidade: Eu respeito os animais, e você?


4 comentários:

eu disse...

Esta comunidade é um exemplo de amor e respeito tanto às pessoas quanto os animais, e a Patricia faz dela a sua família. É verdade nunca deixa ninguém sem resposta e cobra com carinho de nós moderadores que estejamos sempre presentes. A Patricia é incansável na luta contra tudo que vem a afetar os animais. Há na comunidade mais de 100 casos resolvidos. Além disso há vários artigos pesquisados a maioria pela Patrícia, já dava até um doutorado. rsrsrMuitas informações úteis.Ano passado pedi para meus alunos pesquisarem sobre filosofia,animais em um dos tópicos,tiveram a oportunidade de aprender muito,e a maioria foi postado pela Patrícia.
É uma pessoa que ama de verdade e me sinto muito feliz de fazer este trabalho com os animais e nesta comunidade que até agora foi uma das poucas a fazer a diferença para os animais no orkut. Vejo comus com mais de 30 mil membros e não há resultados como esta. E como a união faz mesmo a força e a Patrícia é o elo desta corrente do bem, eu mesma tenho uma comunidade de um resgate e estou sendo ajudada pelos membros desta comu. e a Patricia que se faz presente para ajudar,mesmo estando com um problema sério de doença na família,não só a mim ,mas todos que amam e faz o bem para os animais. Só tenho a agradecer
Quem entra nesta comunidade se torna uma pessoa um pouco melhor,isto sem milongas e demagogia é puro sentimento verdadeiro.
Um beijo no coração da Patrícia,dos moderadores e membros participativos,são tantos resgates,tanta ajuda, e muito amor aos animais!nÃO TEM NADA MELHOR DO QUE VER UM A SALVO!
Que Deus a ilumine para este trabalho continuar e nos proporcionar alegria ,em meio a tantas tristezas que fazem com animais !!
Vida longa a comu e a Patrícia e aos protetores, precisamos de pessoas assim na Terra, este mundo precisa melhorar!.

8 de março de 2009 02:21
Dóris disse...

Parabens querida Patricia.. vc merece muitas homenagens todos os dias. Sou membro da comu e todos os dias acesso. Recebo seus emails diariamente com boas e mas noticias. obrigada por vc existir e principalmente por ser o que é.

10 de março de 2009 22:32
BiA disse...

A Patricia é um ser humano raro hoje em dia. É admirável, pois apesar de todos os seus problemas como pessoa comum, ela encontra tempo para cuidar com muito desvelo e principalmente amor cada caso de crueldade impostos por nós " seres racionais" aos animais. As vezes quando a encontro as 2h da manhã na net, penso: " Deus o que eu faço do meu tempo? Será que eu conseguiria?"

Nossa amizade surgiu desde o 1º dia em que nos falamos, e minha admiração continua a crescer a cada dia.

.

18 de março de 2009 13:08
P. Biase disse...

Oi, Leonardo!!!
Já estamos com quase o dobro de membros e a comunidade tem sido uma grande aliada na conscientização dos membros!!!

Estou muito feliz e aguardo a sua visita.
abraços

29 de dezembro de 2009 23:22

Faça parte do Jornal Defesa dos Animais

Ajude-nos a melhorar ainda mais preenchendo este formulário

Entrevistas

Os animais são inocentes

Frases do dia

Ocioso

Conheça nossa página de vídeos

Resumo da Declaração Universal dos Direitos dos Animais

A Declaração Universal dos Direitos dos Animais da ONU

01 - Todos os animais têm o mesmo direito à vida.

02 - Todos os animais têm direito ao respeito e à proteção do homem.

03 - Nenhum animal deve ser maltratado.

04 - Todos os animais selvagens têm o direito de viver livres no seu habitat.

05 - O animal que o homem escolher para companheiro não deve ser nunca ser abandonado.

06 - Nenhum animal deve ser usado em experiências que lhe causem dor.

07 - Todo ato que põe em risco a vida de um animal é um crime contra a vida.

08 - A poluição e a destruição do meio ambiente são considerados crimes contra o animais.

09 - Os diretos dos animais devem ser defendidos por lei.

10 - O homem deve ser educado desde a infância para observar, respeitar e compreender